Piauí reativa fundo para turismo e projeta injeção de até R$ 30 milhões em 2024

O Governo do Piauí reativou o Fundo Geral do Turismo (Fungetur) e projeta R$ 30 milhões em linhas de créditos para empreendimentos na área neste ano de 2024. As informações foram repassadas pelo presidente da presidente da Agência de Fomento e Desenvolvimento do Piauí (Badespi), Feliphe Araújo, na manhã desta segunda-feira (17).

“A gente tem uma linha muito importante, que é o Fungetur. Para esse ano de 2024, a gente tem garantido já, via parceria com o Ministério do Turismo, que é o recurso do fundo, mais de R$ 22 milhões, podendo chegar até R$30 milhões, ou seja, quase triplicando o volume do recurso”, declarou.

continua depois da publicidade

Feliphe Araújo explicou que o fundo destinado exclusivamente para o turismo passou por período de desativação em 2022 e foi reativado com em 2023, tendo em vista que este setor será uma das prioridades do governo de Rafael Fonteles (PT).

Para o presidente, a injeção de capital do Ministro do Turismo, será vital para atender à demanda crescente por financiamento de novos empreendimentos turísticos no estado.

“Recentemente, já realizamos alguns financiamentos na faixa de R$ 100 a R$ 200 mil, destinados a novos restaurantes e hotéis. Cada um desses empreendimentos está gerando, em média, de 5 a 10 empregos, o que melhora significativamente a economia do nosso estado”, explicou.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo