Mulher de 27 anos arranca próprio olho e mutila mão em São Raimundo Nonato

A jovem foi encaminhada ao Hospital de Urgência de Teresina (HUT) onde passou por cirurgia de reconstituição da pálpebra.

Uma mulher de 27 anos foi encaminhada ao Hospital Regional de São Raimundo Nonato (a 500 km de Teresina) após ter o olho direito arrancado e a mão direita decepada, na noite da última segunda-feira(04), por volta das 23 horas, em sua residência, no povoado Nova Garça, zona rural.

De acordo com a Polícia Militar, que foi avisada com a chegada da jovem ao hospital, ela própria afirmou que teria causado as lesões em seu corpo.

“Ela foi socorrida por seu esposo e depois removida para Teresina. Segundo informações do seu marido, a mesma estava passando por problemas de depressão”, afirmou do comandante do Batalhão, major França.

continua depois da publicidade

O delegado de São Raimundo Nonato, José Wellington, informou que foi feita uma investigação prévia e a conclusão até o momento é de “automutilação”.

“Fizemos uma investigação prévia, ouvimos várias pessoas, inclusive da família dela, e tudo indica até o momento que foi uma autolesão. Enfim, ele se automutiliou, diante de uma aparente perturbação mental… É muito estranho. E difícil de acreditar. Por isso mesmo, passamos o dia empenhados em melhor apurar o ocorrido. Mas todos os relatos apontam para automutilação”, delegado José Wellington.

O delegado disse que se houverem fatos novos que indiquem uma posição contrária, reavaliará o caso, mas que até o momento realmente foi autolesão.

A jovem foi encaminhada ao Hospital de Urgência de Teresina (HUT) onde passou por cirurgia de reconstituição da pálpebra e sutura da conjuntiva. E segue internada.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo