Xadrez, futebol e dominó ajudam na ressocialização de detentos em São Raimundo Nonato

Evento esportivo proporciona paz e ordem em unidade prisional.

Xeque-mate! Gol! Bati! Esses foram os gritos de vitória que alguns dos mais de cem reeducandos da Casa de Detenção Provisória Dom Inocêncio Lopez Santamaria puderam dar, ao participarem 6º Campeonato Esportivo desenvolvido pela unidade prisional nas modalidades xadrez, futebol e dominó, em dezembro.

Para o gerente da Casa de Detenção de São Raimundo Nonato, José de Melo Pereira, o esporte é uma importante ferramenta no processo de ressocialização do preso. “Os reeducandos ficam empolgados com as competições e participam com dedicação. Tenho certeza de que é mais uma forma de melhorar o sistema e a vida deles”, diz.

As competições são realizadas desde 2015, duas vezes ao ano, uma em cada semestre. De acordo com a Secretaria de Justiça do Piauí (Sejus), o esporte – junto com outras atividades desenvolvidas nas áreas de educação, trabalho, qualificação profissional, religiosidade e arte – tem melhorado o processo de reintegração social dos reeducandos.

“Ações como essa são fundamentais para, dentro da política de ressocialização, fomentar a oportunidade de transformação que o reeducando requer para se afastar da criminalidade e retornar adequadamente para o convívio em sociedade”, pontua o secretário de Justiça, Daniel Oliveira.

Deixe sua opnião